quinta-feira, 30 de julho de 2009

Cuidado com cheques preenchidos automaticamente!

Cheques preenchidos por máquinas de preencher cheques, aquelas que você só assina depois de preenchido automaticamente pela máquina numa ''cortesia'' do local onde você está pagando, podem ser apagados em microondas, sobrando apenas a sua assinatura, que é feita a caneta, diferente do restante onde foi feita com a tinta da máquina de preencher cheques...

Golpistas que atuam em Santa Catarina descobriram um jeito de adulterar os valores de cheques que são preenchidos em máquinas eletrônicas. Os valores dos cheques impressos mecanicamente são apagados quando colocados em fornos microondas por determinado tempo e potência. 

Com o procedimento, apenas a assinatura do cliente, feita a caneta, permanece intacta. 

Assim, os cheques podem ser preenchidos novamente.  
"O preenchimento [pela máquina] é feito com toner, que é um pó. Este pó é desintegrado dentro do microondas", diz o perito em falsificações  Arnaldo Ferreira. 

Nos últimos dois meses, uma mesma agência bancária de Florianópolis recebeu 11 cheques adulterados da mesma forma.
Segundo o perito, um cheque de R$ 27,00 emitido em um circo na capital foi compensado dois meses depois, em Feira de Santana, na Bahia, por R$ 4.200,00.

O perito recomenda, como precaução, usar a caneta para o preenchimento dos cheques.

Divulgue esta informação !!!

6 comentários:

Ana Lucia Nicolau disse...

será que isso é possível realmente...

Bronca no Trombone disse...

Ana Lucia, tudo é possível no mundo do crime. A gente não tem tempo de pensar em maldades; esses bandidos têm.
É sempre bom ficar alerta!

Obrigado pelo comentário!

Beijos,

André

PROJETO NOVO IMPULSO disse...

Mentes vazia corpo do diabo, êles são terriveis, consegue fazer de tudo para ludibriar as coisas.
A paz

Bronca no Trombone disse...

Os bandidos são terríveis. Já soube do caso de roubarem um daqueles relógios enormes que ficam nas ruas e avenidas. Aliás, eu presenciei o roubo pensando que era o pessoal da prefeitura recolhendo o relógio para manutenção. E não era! Estavam roubando o relógio...

Obrigado pelo comentário, amigo!

Abraços,

André

LISON disse...

SAUDAÇÕES!
AMIGO ANDRÉ,
É muito interessante como agem os criminosos, também estudam e muito!
Devo lhe dizer que foi a primeira vez que li coisa a respeito desse tipo de fraude.
Bem, amigo, não uso cheques e nem cartões de crédito ou débito!
Obrigado pela dica!
LISON.

Bronca no Trombone disse...

Os bandidos têm as 24 horas do dia para pensar em maldades, como eu venho dizendo aqui. Nós, não, pois somos pessoas do bem.
Eu não uso mais cheques, mas cartões, sim. E tenho muito cuidado ao fazê-lo, pois anda perigoso usá-los, seja na internet ou na rua.

Obrigado pelo comentário!

Abraços,

André